Inhotim 10 anos

Selo Estufa – Estúdio de Design Inhotim
Marca #1nfinit0 desenvolvida pela Zubb.

Identidade visual para a programação comemorativa dos 10 anos do Inhotim, na qual o artista Tunga foi o grande homenageado pelo Instituto.





Ao celebrar 10 anos de abertura ao público, Inhotim lançou a campanha #1nfinit0 para reafirmar seu estado de transformação constante, questionando formatos, enquadramentos, estabilidade e noções usuais de temporalidade. Com o falecimento do pernambucano Tunga, um dos mais importantes artistas contemporâneos brasileiros cuja visão inspirou a concepção e a criação do Parque em Brumadinho, a programação comemorativa deste marco histórico foi uma homenagem a ele.

O selo comemorativo de 10 anos foi criado a partir de um fragmento da marca do Inhotim, como uma forma de reafirmar sua essência a partir da transformação.

Para a identidade visual da programação, foram trabalhados conceitos abordados por Tunga em sua obra, em especial Toro, Ão e Vanguarda Viperina, como experiências em trânsito, tempo não-linear e subjetividades descontínuas.





Tunga estabelece uma relação constante com a temporalidade em suas narrativas. Toro foi criada para representar um instante, um fragmento de tempo completo em si mesmo. O filme da instalação Ão torna esta ideia mais ampla, como um ciclo infinito de instantes que se repetem, mas que se renovam a cada percepção. Sob orientação do artista, sua galeria no Inhotim foi projetada de modo que Ão assumisse o papel de um Toro central, rodeado por outros – a própria galeria, o avarandado, a mata –, representando os diversos momentos de sua obra. Por fim, Tunga via a obra te arte como algo vivo que poderia ser interpretada de diversas maneiras em diferentes momentos, como uma espécie de cebola com casca sem fim.






Estes conceitos se relacionam intimamente com aqueles vividos pelo próprio Inhotim, questionando continuamente o presente para buscar renovação. Em sintonia com os direcionamentos do brandbook, eles foram absorvidos no uso do box, que aqui ganha uma liberdade maior de deslocamentos e funciona como elemento central de uma série de Toros que representam momentos de construção coletiva. Estes anéis trazem diferentes percepções sobre a obra de Tunga, com mudanças de escala, perspectiva e foco. Os tons de vermelho, preto e dourado usados na paleta são predominantes no trabalho do artista.










Dentro da programação de 10 anos, o 3º Seminário Internacional de Educação Inhotim também seguiu suas diretrizes de identidade, tendo como base a cor vermelha e a obra True Rouge.







Ainda como parte da programação de 10 anos, foi produzido um livreto com narrativas do artista Tunga, que foi distribuído na ocasião de leitura de algumas destas narrativas.



Direção de Criação: Mariana Hardy e André Coelho
Direção de Operações: Cynthia Massote
Gerência de projeto: Ricardo Lopes
Design:
Fernando Dias (identidade visual) e Pedro de Albergaria (desdobramentos)
Produção Gráfica: Mirelle Bairral
Fotos: Fernando Dias e William Gomes